Fui ao MP por obras na Tereza Cristina

Fui ao MP contra Marília e Zema por obras na Tereza Cristina. Como Vereador entrei com uma representação no Ministério Público cobrando uma intervenção para que as coisas possam ser contadas na justiça e então serem resolvidas. A prefeita de Contagem e governador são responsáveis por dar solução ao problema das enchentes que atingem os moradores da Av. Tereza Cristina em BH.

Estamos acompanhando as movimentações daqueles que são, neste momento, os responsáveis pelas obras que irão resolver as enchentes na Av. Tereza Cristina.

 

Manifestação no Plenário

Ontem, durante a nossa manifestação no plenário, pude confirmar minha ida ao MP contra Marília e Zema por enchentes na Tereza Cristina que são os responsáveis pelas obras necessárias e também manifestar sobre a irresponsabilidade do governo do estado e da prefeitura de Contagem de não estarem fazendo a parte deles já que em Belo Horizonte já existem bacias finalizadas e outras em processo de finalização.

 

Problema recorrente

Desde 2017 quando assumimos o primeiro mandato temos lutado com a PBH para finalmente acabar com as inundações na Tereza Cristina. Sempre estive presente em todas as inundações, junto ao Prefeito, Sudecap, SLU, etc.

Conseguimos que as bacias de contenção saíssem do papel: Olaria/Jatobá, Tirol e Indústrias. As mesmas tem garantido sua funcionalidade. Mas agora precisamos de obras no Córrego Ferrugem cuja jurisdição pertence a Contagem e a obra depende da COPASA (Governo de Minas).

BASTA. Não temos mais como aguardar. Vou acionar o Ministério Público para que essas obras aconteçam ou os gestores de Contagem e o Governo de Minas sejam RESPONSABILIZADOS. Após nossa intervenção, vejo uma movimentação em torno do assunto nos últimos dias.

 

Estamos de olho!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado

[insta-gallery id=”1″]